Browsing Category

Dicas

Decoração, Dicas

Como decorar usando cores contrastantes?

Decorar sua casa com cores neutras e claras como bege, off-white e nude pode ser prático, não é mesmo? Mas, por outro lado, adicionar um pouco de vida ao ambiente, com o uso de cores contrastantes, traz uma sensação única de renovação e beleza.

Sabendo que muita gente tem medo de abusar das cores contrastantes e vivas na decoração, a intenção desse post é fazer com que você perca esse receio e deixe tudo com a sua cara, sem perder a harmonia! Abaixo explicamos um pouco mais e damos dicas de como ter uma decoração personalizada cheia de cores. Vamos lá!

Cores contrastantes e círculo cromático

Entender como as cores interagem é de grande ajuda ao decorar um ambiente, e uma maneira simples de não errar é contar com o auxílio de um círculo cromático. As cores contrastantes estão igualmente espaçadas no círculo, a cada três tons, por exemplo: azul e amarelo, laranja e verde, vermelho e azul etc.

Ele é composto por doze segmentos e baseado nas cores primárias: vermelho, amarelo e azul; e secundárias: verde, laranja e roxo — os segmentos restantes são preenchidos com combinações dessas cores e designados em conformidade.

Além disso, vale a pena conferir também quais cores são complementares — aquelas que se encontram opostas no círculo cromático —, sendo essas as cores que apresentam maiores contrastes, porém de modo agradável aos olhos.

Cores Contrastantes

Foto: Academia da Cor & Design

Dicas para decorar usando cores contrastantes

Misture tons quentes e frios

Essa é uma das combinações mais famosas: juntar elementos de tons quentes e frios. As cores quentes são assim chamadas pois transmitem a sensação de calor, representadas pelos tons alaranjados, amarelados e avermelhados. Já as frias, nos remetem à calma e tranquilidade, sendo os azuis, verdes e roxos.

Assim, usar essa combinação no ambiente traz equilíbrio. Se você quer a predominância do aconchego, opte pelas cores quentes como dominantes e alguns elementos em cores frias, ou se quiser algo mais sereno, o oposto.

Decoração cores contrastantes

Foto: Decoração Fácil 

Use as cores contrastantes em espaços adjacentes

O uso das cores contrastantes é um estilo diferenciado e uma tendência atual, mas, mais atual ainda, é usá-las em cômodos adjacentes. Num ambiente de conceito aberto, que integra sala de jantar e cozinha, por exemplo, é interessante delimitar a área de cada espaço com cores contrastantes em tonalidades diferentes — como rosa e verde.

Outra ideia é usá-las na transição do hall para a sala: pintar um espaço de cada cor como azul e amarelo, cria uma harmonia inesperada. A ideia aqui é não ter medo de ousar, o resultado vai te surpreender.

Ambientes contrastantes

Foto: Decorfacil.com/ Lushome

Comece devagar

Quando pensamos em transformar um ambiente com cores, logo nos vem a ideia de pintar as paredes, não é verdade? Mas você pode renovar o recinto abusando das cores em determinados objetos.

Se você ainda tem o pé atrás com as cores contrastantes, comece devagar. Disponha sobre o sofá almofadas com capas coloridas em diferentes tons de laranja e azul, faça uma gallery wall de pôsteres e fotos seguindo a mesma ideia, ou, ainda, monte arranjos de flores com contrastes entre o vaso e a planta em si. A mudança será facilmente notada!

Cores contrastantes

Foto: Pinterest/ Rosely Pignataro

Não se restrinja a apenas alguns ambientes

Muitas vezes ficamos na dúvida de quais ambientes devemos usar mais cores e acabamos por nos restringir a ambientes como sala e quarto das crianças. A dica aqui é acabar com essa incerteza e deixar tudo com o seu estilo e personalidade.

Na cozinha, use as cores contrastantes nos armários e nos utensílios que ficam à mostra; no quarto, brinque com os tons da cortina e a roupa de cama; no banheiro, mude a cor da moldura do espelho e do kit de pia; na varanda, faça um jardim vertical com todos os vasos coloridos. Acredite: sua casa ficará muito mais alegre!

As cores estão diretamente relacionadas ao nosso bem-estar e às nossas emoções, então usá-las na decoração é sinônimo de qualidade de vida e ambientes convidativos.Se você quer dar aquela renovada na decoração, trazendo beleza e personalidade, tenha em mente que as cores contrastantes podem ser suas grandes aliadas.

Você já usa alguma combinação de cores? Tem mais dicas de cores contrastantes? Então conta pra gente nos comentários: estamos ansiosos para saber!

Decoração, Dicas

Piso laminado ou carpete de madeira: qual deles é mais confortável?

Quando nos mudamos para um novo imóvel ou reformamos um ambiente, queremos que o local seja decorado com itens que reflitam nossa personalidade, não é mesmo? Porém, o mercado nos oferece tantas opções que ficamos em dúvida sobre qual material é mais adequado para cada ambiente. Com o revestimento do piso, essa escolha também é importante e merece ser analisada com cuidado.

Hoje, para quem não quer utilizar o piso cerâmico, ótimas opções são o piso laminado ou carpete de madeira, que vem ganhando popularidade. Eles trazem sofisticação ou rusticidade, aconchego e conforto para a casa, pois são materiais isolantes. Por isso, não “roubam calor” do ambiente, mantendo uma temperatura agradável.

Acompanhe o post de hoje e saiba qual deles é a melhor opção para a sua casa!

1-piso-laminado-instalacao

Foto: Decoração Online

Piso laminado

Um dos tipos mais procurados em lojas de construção, o piso laminado é composto por várias camadas derivadas da madeira. Nelas estão contidas: miolo em substrato de eucalipto, HDF (High Density Fiberboard) ou uma fibra de alta densidade, superfície de celulose e resina melamínica, chamada de overlay.

O piso laminado é semelhante ao carpete de madeira, mas apresenta um valor inferior por m². Além disso, este material apresenta uma variedade grande de cores em réguas seriadas, resultando em “estampas” padronizadas.

Uma das maiores vantagens do piso laminado é a durabilidade, pois a camada de overlay garante alta proteção. Ela impermeabiliza contra umidade, mantém brilho sutil, impede a propagação de fogo, não permite riscos e arranhões e funciona como isolante acústico e térmico. Os pisos laminados chegam a suportar de 1.500 a 6.000 ciclos de desgaste depois de aplicados.

Este tipo de material é utilizado em ambientes internos. Existem modelos para áreas com pouco movimento, como quartos, até locais de alto tráfego, como salas e corredores.

A instalação é fácil e rápida, leva no máximo de 1 a 2 dias se o contrapiso já estiver pronto. Sua fixação é feita por encaixes em um sistema de macho e fêmea, sobre uma manta termo acústica de polietileno, que protege o piso e evita ruídos. O piso laminado também não precisa de acabamento e a limpeza pode ser feita com panos úmidos e sem produtos abrasivos.

Piso laminado

Foto: Comprando meu apê

Carpete de madeira

Atemporal, hipoalérgico e que aceita todo tipo de decoração — assim podemos definir o carpete de madeira. Este revestimento consiste em uma folha fina de madeira natural, fixada e prensada sobre uma base de madeira processada. Essa folha recebe um verniz cerâmico como acabamento.

Uma particularidade do carpete de madeira é que ele possui várias opções de espécies de madeira e de tonalidades, desde as mais claras às mais escuras, o que resulta em um piso não uniforme, valorizando o conceito natural da madeira.

Sua indicação também é para ambientes internos, como no caso do piso laminado, porém em locais de baixo movimento, por exemplo, quartos e closets.

Funcionando como um piso flutuante, o carpete de madeira é instalado facilmente sobre uma manta de separação e preso por meio de encaixes macho e fêmea. Para evitar que o carpete saia do lugar, nas bordas são aplicados rodapés que impedem a movimentação e concluem o revestimento.

Este material é mais fino, com peças de cinco a sete milímetros de espessura. Mas, apesar do preço acessível, o efeito brilhante do verniz torna-o suscetível a arranhões e riscos.

A resistência também é um aspecto que merece atenção. Os carpetes de madeira são menos resistentes que os pisos laminados — eles suportam apenas 900 ciclos de desgaste. Entretanto, se forem bem cuidados, os carpetes também podem ser muito duráveis. Sua limpeza precisa apenas de panos úmidos. Outras desvantagens são os ruídos causados ao se caminhar e a pouca resistência à água.

Ambos os revestimentos são fáceis de instalar, porém, exigem que o contrapiso esteja nivelado e alisado, independentemente da manta acrílica que será utilizada por baixo.

Carpete de Madeira

Foto: Classe A

Agora ficou mais fácil escolher o melhor tipo de revestimento para sua casa! Além da beleza, lembre-se de avaliar a qualidade dos materiais, a praticidade no dia a dia, a garantia e o estilo que se espera como resultado final. Um piso bem aplicado pode até mesmo valorizar o imóvel.

Conte pra gente qual você prefere: piso laminado ou carpete de madeira? Comente!

Dicas

Sala de estar: 5 soluções criativas e fáceis para a decoração

Não há nada que dê mais conforto do que uma casa do jeito que a gente sempre desejou! A decoração da sala neste ponto faz toda a diferença, trazendo personalidade e beleza para o lar. Sendo um cômodo que deve ser aconchegante sem perder o estilo, a sala merece toda atenção ao se escolher o que irá compor o ambiente. No post de hoje, vamos trazer dicas de decoração para quem dispõe de pouca verba e pouco tempo. Não deixe de fazer sua casa linda, confira as melhores soluções de decorações baratas e fáceis para a sua sala. Continue Reading

Decoração, Dicas

Pendurando quadros da maneira correta

Não é preciso ser expert em decoração para criar um ambiente harmonioso entre quadros e outros objetos próximos. Há aqueles ainda que defendem que sequer existem regras. Porém, caso queira uma parede de quadros bem resolvida e não tem experiência no assunto, nós reunimos algumas dicas que você deve levar em conta na hora de começar a pendurá-los. Continue Reading

Decoração, Dicas

Parede de quadros: dicas para compor uma gallery wall

Quem gosta de quadros sabe que é difícil escolher um só na hora da compra, não é mesmo? São muitos tamanhos e formatos diferentes, com infinitas opções de cores e fotos. Essa variedade enorme acaba criando dúvidas na hora de combinar várias peças em uma parede de quadros. Fique atento às nossas dicas e você verá que essa tarefa não é nenhum quebra-cabeças e pode ser bem divertida. Continue Reading