Decoração

Decoração minimalista: saiba como acertar na escolha dos itens

Quem nunca ouviu aquele ditado que diz “menos é mais” definitivamente não conhece a decoração minimalista, que se caracteriza pela praticidade, funcionalidade e otimização dos ambientes. E se engana quem acha que por haver uma redução dos móveis e acessórios decorativos e um consequente aumento da área, os espaços ficam chatos ou desinteressantes. A premissa é justamente o contrário: com a valorização do ambiente, evita-se extravagâncias, desorganização e acúmulo de peças. Não é à toa que a cada dia a decoração minimalista ganha mais adeptos em todo o mundo.

Foi para lhe ajudar a planejar a adaptar essa tendência para o seu dia a dia que preparamos 4 dicas essenciais. Confira!

Posters minimalistas

Ao pensar em uma decoração minimalista, é comum acreditar que ela precisa ser sóbria e contida, mas esse é um grande engano. Áreas assim podem e devem ter acessórios que não apenas ajudem a compor o ambiente, mas que também tragam leveza, bom humor e criatividade.

E é justamente aí que os posters minimalistas podem fazer a diferença. Eles podem servir como peças que expõem a sua personalidade, seus gostos e hobbies com muita arte e originalidade, mas com poucas palavras.

decoração-minimalista

Quadros Moldurapop: 1/ 2/ 3/ 4/ 5/ 6

Estilo escandinavo

O estilo escandinavo é uma vertente da decoração minimalista que aposta em espaços clean com paredes brancas, muitas referências às paisagens naturais — montanhas, florestas, lagos, plantas e flores — e móveis com um toque rústico que harmonizam com as linhas e retas de fiações e canos expostos, típicos do design industrial.

Quem adota esse modelo gosta de ambientes simples, mas que não deixam de ser sofisticados e repletos de autenticidade.

Alguns detalhes podem ajudar a compor essa decoração, como luminárias modernas — de coluna ou de teto —, janelas que favoreçam a iluminação natural, o piso que geralmente é de madeira ou laminado e acessórios decorativos contemporâneos e coloridos.

decoração-escandinava-minimalista

Foto: Rize Studios/ Norah Nguyen

Mobília reduzida

O design minimalista visa que os ambientes sejam decorados com o mínimo de móveis possíveis. Isto é, a mobília deve ser simples e funcional, valorizando o espaço e promovendo, consequentemente, a circulação das pessoas.

Para tanto, é indicado investir em um mobiliário com poucas texturas e cores neutras. A durabilidade é outro critério importante na sua escolha. Além disso, vale a pena dar preferência à madeira, como a de demolição, como material dos móveis.

moveis-minimalistas

Foto: SteventsDaskal Laperre

decoração minimalista

Foto: Bored Art

Cores na decoração minimalista

As cores também tem papel importante em ambientes minimalistas, pois tons claros ampliam visualmente os espaços além de melhorar a claridade, realçando a luz natural. Contudo, não se confunda ao achar que você deve se restringir apenas ao branco.

Tonalidades neutras como o cinza, o bege, o bronze e a palha são sempre bem-vindas por cumprirem com a mesma função proporcionando aconchego e aumentando a sensação de bem-estar.

cores-minimalistas

Foto: Ecoveani

cores-minimalistas

Foto: Roo Home

decoração-minimalista

Foto: Fandung/ Home Decorify

A decoração minimalista lhe proporciona um ambiente mais organizado, sem poluição visual e um espaço com móveis inteligentes que têm suas funções devidamente estabelecidas. Por isso, vale a pena valorizar as pequenas coisas e garantir um lugar mais aconchegante e cômodo para você, sua família e amigos.

Se você gostou desse assunto, compartilhe esse texto nas suas redes sociais com seus amigos!

Previous Post Next Post

Veja também...